ADVISIA Analytics
Insights Letter

Diagnóstico de Performance: como ele impulsiona a eficiência e revela insights para o seu negócio

Diagnóstico de Performance

Em uma partida de futebol, o treinador consegue avaliar como seu time está jogando e realizar mudanças, seja taticamente ou com substituições. Com isso, ele busca garantir o resultado esperado, mesmo com o time jogando bem ou mal. Analogamente, no mundo dos negócios, é importante entender a situação da empresa e adequar a estratégia. O diagnóstico de performance guia a tomada de decisão com mais eficiência através de insights relevantes.

O que é diagnóstico de performance?

O diagnóstico de performance é uma análise que busca entender o desempenho de uma empresa a partir dos resultados alcançados com sua estratégia atual, indicadores de valor econômico e vantagem competitiva, sendo essencial para entender a performance e gaps das diferentes unidades de negócio.

Vantagens do diagnóstico de performance

Uma das principais vantagens do diagnóstico de performance é a sua capacidade de impulsionar a eficiência. Ao identificar áreas de baixo desempenho ou gargalos operacionais, é possível direcionar recursos e esforços de forma mais precisa e efetiva. Isso permite corrigir problemas, otimizar processos e maximizar a produtividade. Com a análise de dados em mãos, os gestores têm uma visão detalhada das áreas que precisam de melhorias, podendo implementar ações corretivas de forma estratégica e direcionada.

Além disso, o diagnóstico de performance revela insights relevantes que podem ser fundamentais na tomada de decisão. Ao analisar os dados e identificar padrões, tendências e oportunidades, é possível obter informações valiosas sobre o mercado, clientes, concorrentes e outros fatores externos que afetam o negócio. Esses insights ajudam a embasar decisões estratégicas, permitindo antecipar tendências, identificar nichos de mercado, melhorar a oferta de produtos ou serviços e alinhar a empresa às necessidades dos clientes.

Veja o exemplo na prática

Considere uma loja de produtos de maquiagem localizada em um bairro de classe C, cuja receita mensal atinge a marca de 500 mil reais. Mas como avaliar se esse valor é substancial ou modesto? A resposta reside na contextualização do montante, isto é, se esse valor está alinhado com o potencial econômico máximo da área específica em que a loja opera.

Através de uma análise de diagnóstico de performance, podemos supor que essa loja poderia, teoricamente, gerar uma receita de 300 mil reais. Nesse contexto, alcançar um faturamento de 500 mil reais se torna um desempenho notável, indicando que o estabelecimento está prosperando consideravelmente. No entanto, a perspectiva muda substancialmente ao observarmos outra situação: uma empresa situada em um bairro de classe B, também com uma receita de 500 mil reais. Surpreendentemente, esse cenário pode ser interpretado como desfavorável, uma vez que o potencial econômico dessa área é substancial, atingindo 1.200 mil reais.

A avaliação do desempenho da loja deve ser feita em relação ao potencial específico da região em que está inserida. Essa perspectiva comparativa revela que superar expectativas pode não ter o mesmo peso em cenários diferentes.

Confira o passo a passo para fazer um diagnóstico eficiente

O processo de diagnóstico de performance geralmente envolve as seguintes etapas:

Definição dos objetivos: Antes de iniciar o diagnóstico, é necessário estabelecer claramente quais são os objetivos a serem alcançados. Isso pode envolver identificar áreas específicas para avaliação, estabelecer metas e benchmarks de desempenho, e definir os principais indicadores chave de performance (KPIs) a serem monitorados.

Coleta de dados: Nesta etapa, são coletados dados relevantes sobre o desempenho da empresa ou projeto. Isso pode incluir dados financeiros, operacionais, de vendas, marketing, atendimento ao cliente, entre outros. É importante garantir que os dados sejam precisos, confiáveis e abrangentes o suficiente para oferecer uma visão completa da situação.

Análise e avaliação: Os dados coletados são analisados e avaliados em relação aos objetivos estabelecidos. Nesta etapa, são identificados pontos fortes e fracos, tendências, padrões e áreas que necessitam de melhorias. A análise pode envolver o uso de técnicas estatísticas, ferramentas de visualização de dados e comparação com benchmarks do setor.

Identificação de insights: Com base na análise dos dados, insights relevantes são identificados. Esses insights podem se referir a oportunidades de mercado, demandas dos clientes, tendências emergentes, problemas operacionais, ineficiências, entre outros aspectos que podem influenciar a tomada de decisão.

Desenvolvimento de ações corretivas: Com os insights em mãos, é hora de desenvolver ações corretivas para abordar os problemas identificados e aproveitar as oportunidades. Essas ações devem ser específicas, mensuráveis, alcançáveis, relevantes e com prazos definidos (SMART). Elas devem levar em consideração os recursos disponíveis e serem alinhadas aos objetivos estratégicos da organização.

Implementação e monitoramento: As ações corretivas são implementadas e é essencial monitorar continuamente o progresso e os resultados obtidos. Isso permite avaliar a eficácia das ações, fazer ajustes quando necessário e garantir que as melhorias estejam sendo alcançadas.


Vale ressaltar que o diagnóstico de performance é um processo contínuo. Após a implementação das ações corretivas, é importante repetir as etapas do diagnóstico regularmente para acompanhar o progresso, identificar novos desafios e oportunidades, e manter a empresa ou projeto no caminho certo para o sucesso.

Conheça as soluções da ADVISIA Analytics

Oferecemos soluções especializadas nesse campo, caso tenha interesse em saber mais sobre nossas ferramentas entre em contato conosco hoje mesmo!

ADVISIA Analytics

Count on our team of experts to achieve the digital transformation of your company.

Conte com o nosso time de especialistas para alcançar a transformação digital da sua empresa.